Pular para a barra de ferramentas
Entretenimento

Oi? Documentário revela como rainha Elizabeth II se escondeu em um arbusto (!) para evitar visita indesejada; saiba os detalhes!

Paciência tem limite… até para a rainha Elizabeth II! Nesta quinta-feira (21), foi ao ar, no Reino Unificado, o documentário “Our Queen: Inside the Crown”. Nele, uma história pra lá de inusitada foi revelada: de quando a rei se escondeu nos arbustos — literalmente — para não se encontrar com Nicolae Ceaușescu, ditador da Romênia.

De concordância com a People, a produção mostrou que Nicolae e sua esposa, Elena, fizeram uma visitante de quatro dias a Londres, em 1978. A recepção foi decidida pelo governo britânico. Porém, o ditador romeno era muito impopular nas terras da rainha. A mídia até se questionava: “Por que estamos convidando esse monstro para vir ao Reino Unificado?”.

A rainha Elizabeth praticamente se ESCONDEU para evitar o ditador romeno. Que AUGE! (Foto: Chris Jackson/Getty Images)

Mesmo deste modo, Elizabeth aceitou a responsabilidade de recebê-lo. Ela e o príncipe Phillip encontraram o par Ceaușescu na estação de trem e, na sequência, partiram juntos numa carreata até o Palácio de Buckingham. Porém o clima amistoso parou por aí! Para evitar aguentar com os romenos, a rainha deu seu jeito e deu uma fugidinha daquelas!

Rainha Elizabeth II já recebeu muita gente, porém {nada} se compara à visitante do ditador romeno. (Foto: Chris Jackson-WPA Pool/Getty Images)

“Na ocasião em que eles estavam ficando lá, ela pegou os corgis [cachorros] para passear nos jardins do palácio e pôde ver os Ceaușescus vindo na direção oposta. Ela pensou, ‘Eu realmente não posso falar {cara} a {cara} com eles’. Logo, pela primeira e única vez na vida dela, ela realmente se escondeu num arbusto dos jardins do palácio para evitar seus convidados”, mencionou o jornalista Robert Hardman. Que condição, hein, Betinha?

Ninguém sabe se Ceaușescu percebeu que a rei estava se escondendo. Apesar disso, estava mais do que {claro} para o governo que Elizabeth desaprovou a visitante de Estado. “A rainha tolera diversos tipos de pessoas, porém Ceaușescu foi demais para ela… Ela fez com que fosse muito óbvio que ela não havia gostado daquela visitante”, afirmou David Owen, macróbio Secretário de Relações Exteriores britânico.

Hoje, as histórias da rainha Elizabeth II rendem bons causos para darmos risada. (Foto: Getty)

Dentre outras visitas que causaram manifesto rebuliço, estava a de Jimmy Carter, presidente dos Estados Unidos. Em maio de 1977, ele esteve no Palácio de Buckingham para um fórum econômico, e causou polêmica ao dar um ósculo nos lábios da mãe da rainha Elizabeth. “Ela deu um passo íngreme para trás e disse que ninguém havia feito isso desde que seu marido [rei George VI] havia morrido”, contou a escritora Sarah Gristwood no documentário.

É muito climão pra pouca vovó Betinha, né? Um longo reinado de muitas histórias!

Deixe uma resposta

Fechar
Fechar