New Super Mario Bros. U Deluxe

De todos os jogos New Super Mario Bros., começando lá detrás com o de 2006 para DS, New Super Mario Bros. U Deluxe é provavelmente o que menos merece o “New” (Novo, em português) no nome. Afinal de contas, o game é um remaster para Switch de um título de lançamento do Wii U. E apesar de algumas novidades e da expansão New Super Luigi U estarem inclusas nesse reempacotamento eficiente de um jogo que já é muito bom, está ficando cada vez mais difícil encontrar alguma coisa de novo nessa série.



Não há incerteza que a fórmula funciona. Os Marios em 2D continuam tendo as melhores seções de plataforma de qualquer série, com controles acessíveis e obstáculos criativos complementando a melhor sensação de pular dentro dos videogames. E assim uma vez que na versão de Wii U, NSMBU é inventivo do prelúdios ao término. O mundo Soda Jungle, lá pelo meio do game, ainda é um dos melhores cenários de Mario.

Entretanto, já fizemos tudo isso antes, não fizemos? Você começa num mundo de grama, depois tem um de deserto, um de grama, neve, chuva, e assim por diante. Para sempre.

Em qualquer momento do pretérito já achei confortante essa repetição. Mas New Super Mario Bros. U Deluxe é uma vítima do sucesso do seu primo em 3D. Agora, o jogo vive no mesmo console que Super Mario Odyssey, que é possivelmente o melhor game de plataforma 3D já feito.

Em conferência, NSMBU Deluxe parece um pouco… ordinário. Convencional. Seguro. Onde Odyssey nos transportou com crédito a mundos inéditos repletos de luas, estrelas, dinossauros e uma Nova York que borda o vale da estranheza, NSMBU sofre de uma falta de originalidade.

Isso não quer manifestar que o jogo seja plano, nem pensar. Dentro das limitações de um New Super Mario Bros., a Nintendo fez um trabalho incrível de pensar em novos inimigos e obstáculos para você superar.

Os últimos mundos estacionam num nível satisfatório de dificuldade que nunca se tornam frustrantes, mas sempre dão aquela sensação de obrigação cumprido ao serem completados. Enquanto isso, as moedas de estrela seguem proporcionando aquele repto suplementar para quem estiver análogo. Já as casas mal-assombrados continuam sendo um prato pleno para permanecer perdido.

O remaster de Switch também adiciona um novo item, a super diadema, que transforma Toadette numa versão da Peach com poderes especiais. Ela tem pulos duplos, por exemplo, e pode usar seu vestido para flutuar. Outros personagens, entretanto, não podem usar a super diadema. E isso nega à internet a Bowsette que ela profundamente deseja, além de ser uma exclusão esquisita.

Toadette está classificada uma vez que fácil no menu principal, enquanto Mario, Luigi e Toad estão na dificuldade normal e Nabbit é muito fácil. Você pode trocar de personagens fora de qualquer tempo do jogo, mas não consigo entender: por que manter os poderes de Peach isolados em um nível de dificuldade?

Depois da roteiro inevitável de Bowser (spoilers!), surge um pós-jogo com fases super difíceis desbloqueadas unicamente para quem coletar todas as moedas de estrela de cada um dos oito mundos anteriores. Desde o princípio também é provável acessar desafios especiais, uma vez que desviar de bolas de lume por claro tempo ou exorbitar dos pulos triplos para coletar moedas. Além, é simples, da já citada New Super Luigi U.

A expansão liderada por Luigi faz um remix de todas as fases do jogo principal e as deixa mais curtas, porém mais difíceis. Luigi também muda e ganha pulos mais altos, mas com um tempo de reação mais lento – e, por consequência, capaz de confundir. Fora do jogo principal, NSLU é modo mais robusto do pacote. Felizmente, também está desbloqueado desde o prelúdios.

Apesar da sua fórmula um pouco ultrapassada, New Super Mario Bros. U Deluxe ainda é um grande incidente da série, tanto pela precisão no gameplay de plataforma uma vez que ela acessibilidade e a profundidade disponível. Apesar de toar um pouco obsoleto para quem passeou pelo Reino dos Cogumelos mais de uma vez, Deluxe ainda vale a pena ser jogado, mormente se você não teve a oportunidade no Wii U.




© 2019 Luís Eduardo Alló | WikiAlló | Social | Privacidade| contato | Sobre |

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Luís Eduardo Alló