Google e Cuba fecham acordo para melhorar conexão à internet na ilha

Parceria é uma tentativa de Cuba em mourejar com problemas de conectividade. Cybercafés, pontos de Wi-Fi e internet traste foram ampliados nos últimos anos, mas os usuários ainda reclamam do dispêndio, da conexão lenta e da cobertura irregular.

O Google assinou nesta quinta-feira (28) um concórdia com a empresa que tem o monopólio de telecomunicações em Cuba, a ETECSA, para trabalhar na conectividade da ilhota comunista.

O país, com delonga na internet, tem buscado aumentar o chegada nos últimos anos, introduzindo cybercafés, pontos de Wi-Fi e internet traste, mas os usuários ainda reclamam do dispêndio, da conexão lenta e da cobertura irregular.

Estatal de Cuba anuncia que começará a fornecer internet para celular
Google e ETECSA assinaram um memorando de entendimento para iniciar a negociação de um chamado “concórdia de troca” que criaria uma conexão direta e sem dispêndio entre suas redes.

Isso permitiria um chegada mais rápido ao teor hospedado nos servidores do Google, em um país onde a informação é rigidamente controlada, reduzindo os custos para Cuba, que não teria mais que remunerar por um intermediário.

“A implementação desse serviço de troca de tráfico na internet é segmento da estratégia da ETECSA para o desenvolvimento e informatização do país”, disseram o Google e a ETECSA em enviado conjunto, lido em coletiva de prensa em Havana.



© 2019 Dudu Alló | Fórum | WikiAlló | Social | Privacidade| contato | Sobre |

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Luís Eduardo Alló