Abner descobre que Sara mente para Ali na novela “Órfãos da Terra”

Em Órfãos da Terra, Sara (Verônica Debom) mudou-se com a mãe, Eva (Betty Gofman), e o avô, Bóris (Osmar Prado), para o mesmo bairro onde vive a família de Ali (Mouhamed Harfouch), possessor de uma moradia de chá. Ao colocar os olhos no vizinho pela primeira vez, a moça já se mostrou interessada por ele.

Mas os planos de se aproximar de Ali ficam complicados para Sara quando seu avô começa a implicar com o avô de Ali, Mamede (Flavio Migliaccio). Por isso, sabendo que o relacionamento não vai deleitar as famílias de ambos, Sara mente e diz ao possessor da moradia de chá que se labareda Maria. Sem saber que a moça é neta de seu vizinho mau-humorado, Ali começa a namorá-la.

Os dois ficam cheios de chamego, até que a Abner (Marcelo Médici) entra em cena. O jovem, fruto de Ester (Nicette Bruno), é o escolhido por Bóris para ser o novo pretendente da neta. Em um jantar organizado por ele, Abner e Sara se conhecem, mas não vão com a face um do outro.

Como se isso não bastasse, Bóris ainda oferece um tarefa para Abner na floricultura comandada pela mãe de Sara. Contrariada, Eva concorda em contratá-lo, mas logo no primeiro dia de trabalho, o jovem vai tolerar com os mandos e desmandos de Sara, que vai fazer o novo funcionário de gato e sapato.

Aos poucos, Abner começa a perceber que Sara está guardando um sigilo. Disposto a lucrar qualquer trunfo contra a neta de Bóris, o fruto de Ester segue a moça pelo bairro e a vê entrando na moradia de chá.



Lá, Sara conversa com o namorado, até que é surpreendida pela chegada de Abner ao restaurante. Ela congela de pânico ao ver o funcionário se aproximando da mesa onde ela está com Ali. De repente, Abner labareda a atenção do par:

“Maria! Você cá?!”

Sara pula da cadeira, surpreendida pela pergunta. Abner mente e se apresenta a Ali da maneira que um companheiro de puerícia da jovem. Logo, ele começa a zombar de Sara, que fica envergonhada. Já Ali acha perdão nas coisas que Abner diz sobre “Maria”.

“Ela usava aparelho nos dentes, daqueles antigos, que tinham ferro por fora, sabe? Parecia uma cavala”, brinca Abner, arrancando risadas de Ali.

Ali levanta da mesa e vai até o balcão de sua moradia de chá para conversar com a mana. Neste momento, Sara confronta Abner, que a chantageia. Ali volta à mesa e o funcionário da floricultura aproveita para soltar mais uma pérola:

“Ô, Ali, gostei de você, viu, face? Você muito que merecia alguém melhor que a Maria. Brincadeirinha!”

Não aguentando mais as brincadeiras do “companheiro de puerícia”, Sara levanta da mesa e anuncia que está indo embora. Ela tenta convencer Abner a acompanhá-la, mas ele se faz de difícil. Até que por término, ele também levanta e vai embora, mas não sem antes dar sua cartada final. Ele entrega para Ali um cartão da floricultura de Sara e debocha:

“Vai lá qualquer dia desses, comprar umas flores para a minha amiga. Vou te narrar um sigilo: ela é igualzinha a todas as mulheres do mundo. Adora flores!”

Sara sente que está na mira de Abner e tenta fazer de tudo para que ele desista de arruinar seu relacionamento com Ali, mas de nenhum adianta. Ele já tem tudo o que precisa para se vingar da “chefinha”.

© 2019 Dudu Alló | Fórum | WikiAlló | Social | Privacidade| contato | Sobre |

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Luís Eduardo Alló