Pular para a barra de ferramentas
Tecnologia

Minecraft Dungeons tem charme e potencial, mas precisa de muito mais tempo no forno –

O Minecraft é um dos jogos mais populares do planeta, por isso é originário que a Microsoft, depois de comprar o pai Mojang há alguns anos, tente utilizar a estética divertida e irregular do gênero a outros gêneros. Depois de um modesto sucesso com o jogo de façanha Story Mode e o Minecraft GO, do tipo Pokémon GO, eles tentaram um RPG de ato ligeiro na Diablo – e, infelizmente, são bastante curtos. Por enquanto, é isso.

O Minecraft Dungeons é um tipo de jogo do tipo primeiro rastreador de masmorras, uma versão amigável e simplificada do gênero que Diablo criou, onde os jogadores entram em uma masmorra ou região criada proceduralmente, matam alguns monstros, ganham saques, saem vivos e fazem tudo de novo.

Essa é a teoria da mesma forma neste jogo, porém é {claro} que a coisa toda usa a ar do Minecraft baseada em blocos. Enquanto você viaja por diferentes biomas para libertar aldeões, destruir forjas antigas e deste modo por diante, tudo, desde os níveis e monstros até equipamentos e poções, parece que saiu diretamente do jogo original. Eles acertaram o visual perfeitamente.

É refrescante, porque jogos {como} esse tendem a galantear uma estética bastante sombria, e quando se trata de jogabilidade, eles acumulam recursos e mecânicos até parecer que você está mais jogando uma planilha do que um jogo. Está {claro} desde o início que o Minecraft Dungeons foi projetado para proporcionar a diversão de lutar, atualizar e explorar sem as armadilhas excessivamente complexas e sombrias do gênero.

Por exemplo, em vez de possuir um punhado de classes de personagens, cada uma com sua própria árvore de habilidades, tudo o que seu personagem pode realizar depende de seus equipamentos. Armas, armaduras e acessórios têm bônus e habilidades únicas. Assim sendo, se você quer ser um lutador do tipo roda e flecha, use a armadura Ringir que lhe razão dano e munição fora do alcance e use acessórios que fortaleçam suas flechas. Quer ser um {cara} corpo a corpo? Da mesma forma há armaduras e espadas.

A personalização do seu estilo de jogo, uma segmento significativo desses jogos, é alcançada pela escolha criteriosa de um conjunto de atualizações aleatórias em cada item. Quando você ganha um nível, obtém um ponto que pode ser usado para ativar, digamos, uma habilidade passiva que desvia projéteis inimigos 20% do tempo. Portanto custa dois pontos para atualizá-lo novamente, de modo que desvia 30% do tempo.

Você recupera esses pontos quando lixeira o item e pode reaplicá-los a um novo, fornecendo progresso de reles risco e reles comprometimento – com o tempo, você terá muitos pontos depositados para atualizar e testar qualquer item novo que encontrar.

Essa abordagem é realmente uma lufada de ar fresco depois dos sistemas complicados sobrepostos, {como} Diablo, Grim Dawn e Path of Exile. Havia a quantidade certa de “esta nova gládio é tentadora, porém eu realmente quero reciclar a minha antiga?” tensão e, embora você colete itens de lixo, é fácil verificar e descartar.

Não tive a chance de testar o modo multiplayer, porém o jogo é definitivamente projetado com a co-aventura em mente. A cooperativa de sofá permite que você escolha um segundo jogador com um controle ou conecte-se on-line com outros na mesma plataforma (a reprodução cruzada está chegando em breve). Um rastreador de masmorra casual de plataforma cruzada é um pouco que eu queria há muito tempo.

É muito ruim, portanto, que seja cá que o jogo fique sem qualidades realmente positivas. Lembrando que esse é um jogo de US $ 20 projetado com jogadores novos para o gênero em mente – para não expressar justamente as crianças -, portanto não faz sentido compará-lo diretamente a uma grande franquia convencional de jogos. Porém, mesmo deste modo, o Minecraft Dungeons tem alguns problemas sérios.

Por um lado, ele realmente precisa de mais variedade. Secção da diversão desses jogos é viajar de região para região e combater novos tipos de monstros com diferentes táticas e habilidades. Isso realmente não existe neste jogo. As 10 áreas diferentes são visualmente distintas, sim, porém são lineares, semelhantes de uma corrida para outra, e não diferem muito em termos de jogabilidade. Um vista do Minecraft que eu sempre amei, a exploração, está quase ausente. Subir uma colina ou descer um pequeno vale ou caverna que você pode ver geralmente não é provável – são somente paredes ou poços sem fundo. Os caminhos laterais costumam percorrer uma certa intervalo, porém eu finalmente aprendi a parar de tomá-los porque eles estavam frequentemente vazios e sempre levava uma perpetuidade para voltar depois.

Você encontrará os mesmos zumbis, aranhas e soldados repetidamente e obterá as mesmas armas e acessórios repetidas vezes, muitas vezes com estatísticas muito semelhantes. Embora pareça ter uma boa variedade a princípio, as habilidades e armas não parecem particularmente muito equilibradas, com algumas óbvias e objetivamente melhores que outras. Algumas são basicamente inúteis: uma habilidade aumenta a velocidade por alguns segundos depois que você se esquiva – porém o jogo da mesma forma diminui a velocidade por alguns segundos depois que você rola, portanto eles meio que se cancelam. Outro devolve um terço de um por cento da sua saúde para cada 100 blocos que você desenredar no jogo. O que?

Isso não seria um problema se o jogo tivesse mais dificuldade em ajustar. Eu descobri na minha jogada que não havia nenhum duelo em 99% das vezes e, de repente, surgia uma condição em que eu seria quase instantaneamente morto. Essas não eram mortes que ensinavam lições {como} outros jogos – somente confluências repentinas de má sorte e, deve-se expressar, qualquer projeto ruim.

Ataques variados de inimigos geralmente vêm de fora da tela, por exemplo. E não somente uma flecha perdida, porém muitas simultaneamente. Os projéteis inimigos da mesma forma passam por todos os outros inimigos, ao contrário do seu, e são muito difíceis de desviar, mormente quando há uma dúzia vindo de diferentes ângulos. Portanto, às vezes, depois de passar todo o nível mal atingido, você é reduzido a uma condição de emergência em uma quinhão de segundo, com muito pouco aviso, por inimigos aos quais não teve a chance de reagir ou até mesmo ver. A câmera com zoom próximo mostra muito os detalhes, porém limita sua compreensão do que está acontecendo ao seu volta.

Esses picos de dificuldade brutais nem sempre são acidentais. Um inimigo continuou aparecendo, que gerou repetidamente um grande número de armadilhas de urso sob os pés do meu personagem que se fecharam antes que qualquer jogador, exceto um realmente experiente, pudesse se esquivar. Os chefes são jogadores baratos e cheios de lacaios, tempestades de projéteis enormes e ataques corpo a corpo instantâneos e sem alterações.

O problema cá não é somente difícil, porém o jogo não fornece as ferramentas necessárias para aguentar com ele. Esquivar-se parece desastrado e os inimigos bloqueiam seu movimento; há pouco em resguardo ativa {como} um escudo ou secundário que você ativa para repelir flechas por 5 segundos; você só tem uma poção de trato que recarrega lentamente e a saúde não volta, portanto pequenos erros aumentam com o tempo. Não que isso importe, pois a punição é geralmente rápida e extrema.

O que tudo isso significa é um jogo que alterna entre monótono e frustrantemente difícil, mesmo para um fã do gênero {como} eu. E considerando que você percorrerá todas as áreas do jogo em algumas horas – há 10 áreas, cada uma delas levando talvez 20 minutos para ser liberada – é esperado que você as repita repetidamente para atingir o nível de marcha necessário para vencer o líder final. Cheguei a esse ponto e fui morto duas vezes seguidas.

Repeti algumas áreas, porém as achei quase indistinguíveis de suas iterações anteriores. No termo das contas, eu não estava motivado a me distanciar somente para desbloquear outro nível de dificuldade, provavelmente ainda mais injusto.

Eu não reclamaria tanto se isso não fosse, aparentemente, um jogo para iniciantes. O Minecraft Dungeons inova e simplifica de algumas maneiras realmente louváveis, porém o design de cada momento é muito desigual e a variedade oferecida não é suficiente nem para um jogo de US $ 20.

Porém é preciso expressar que o próprio Minecraft da mesma forma começou bastante fundamental e foi construído ao longo do tempo em um pouco notável e quase infinito. Existem dois pacotes de DLC em curso para o Dungeons, um bastante visíveis desde o início – {nada} {como} ser solicitado a remunerar mais por um jogo que você acabou de comprar. A boa notícia é que esses pacotes aumentarão o jogo para um tamanho que mais pareça uma façanha e menos uma prova. Da mesma forma espero que os patches nas próximas semanas e meses ajustem consideravelmente o equipamento e a dificuldade – ele pode ser e precisa ser revisto.

Daqui a um ano, o Minecraft Dungeons pode muito muito ser uma compra fácil, um hack-and-slash casual multiplataforma que você pode divertir com seus filhos ou amigos e se divertir sem pensar muito nisso (ou perfurar Excel). Porém, no momento, é principalmente potencial. Eu esperaria em pegar esse cá até que tenha sido transformado no jogo que deveria ser.

Deixe uma resposta

Fechar
Fechar